TOC - Obsessivo Compulsivo

No TOC são dois processos mentais que se complementam.

Para definir o que é de fato TOC, precisamos compreender essa sigla. O Transtorno Obsessivo Compulsivo, como o próprio nome já adianta, significa uma comunhão de processos mentais que dependendo do nível de interação pode significar uma psicopatologia. Ocorre que nem tudo que é obsessivo ou compulsivo é TOC. Existe uma variação entre estado de saúde ou doença. O indivíduo pode apresentar pensamentos obsessivos, sem grande prejuízo em sua vida por exemplo. O limiar entre sanidade e patologia é muitas vezes muito tênue.

Geralmente indivíduos mais obsessivos / compulsivos são muito racionais, focados no pensar/fazer. Quando não adoecidos psiquicamente, esses indivíduos se comportam de maneira objetiva e demonstram uma frieza muito útil em algumas situações. Ocorre que no plano mais adoecido, esse pensamento obsessivo(pensar)-compulsivo(fazer) aprisiona a pessoa de tal maneira que, a mesma pode: voltar pra casa no meio da compra do supermercado porque não deu 12 voltas na chave ao trancar a porta de casa. Imagine isso diariamente, o tempo todo.

Existem esquemas mentais que exigem um padrão metódico mais leve, e a diferença entre patologia e saúde deve ser considerado de acordo com o sofrimento dos rituais diários, energia (física, mental, financeira, etc) desprendida para sustentá los e agravamento desses rituais, em volume e intensidade.

Existem obsessivos, pouco ou nada compulsivos e vice e versa. Entretanto é natural que haja uma complementariedade em algum nível. Fato é que tal movimento psíquico se dá pela tentativa de evitar sentir ou vivenciar emoções, que na compreensão do Ego seriam altamente perigosas de serem vividas. É um “mal menor” evitando um “mal maior”.

Esse julgamento starta esses mecanismos defensivos que, repito, não necessariamente causam tamanho sofrimento que devam ser considerados patológicos. Por exemplo: uma pessoa muito pontual provavelmente tem traços de TOC.

 

Marcelo Comparin – Psicólogo
Para saber mais sobre o TOC, acesse a página de contato e deixe sua dúvida.